1040729532643051
RH

Como reduzir custos em processos de recrutamento? Saiba aqui!

Lembra do tempo em que para recrutar um novo funcionário, bastava pôr um anúncio nos classificados do jornal e avaliar os candidatos pela experiência profissional? Pois é, esses tempos mudaram e os processos de recrutamento hoje são bem diferentes.

Selecionar candidatos para uma nova vaga passou a ser uma tarefa mais intensiva e com ações que visam explorar ao máximo as qualidades dos interessados, o que significa um gasto a mais para a empresa.

Por isso, preparamos este artigo com algumas dicas que podem lhe ajudar a reduzir esse custo. Confira!

Desenvolva um processo seletivo estratégico

Antes de começar o processo seletivo, é fundamental elaborar um plano de ação que reúna tudo o que deverá ser feito para o novo recrutamento, isto é, os canais em que as vagas deverão ser anunciadas, quais serão os dias em que a empresa receberá os candidatos, quem fará as entrevistas ou dinâmicas em grupo, quais serão os critérios de avaliação dos interessados e quando a decisão deverá ser tomada.

Ter isso bem planejado é importante tanto para o RH quanto para as pessoas que se candidatam, pois elas ficam a par de cada etapa do processo e também de quando terão resposta para saber se foram aprovadas ou não.

Evite erros de durante os processos de recrutamento

Geralmente as demissões acontecem por conta da incompatibilidade profissional e não pela falta de conhecimentos técnicos ou experiência. Portanto, é essencial evitar erros durante o processo, pois escolher um candidato errado pode trazer impactos negativos nas contas da empresa.

A começar pelos altos encargos na folha de pagamento, já que demitir alguém envolve o pagamento de indenizações referente à rescisão, além do investimento financeiro e de tempo feito no treinamento do novo funcionário.

Analise se o perfil dos candidatos corresponde à vaga

Ao anunciar uma nova vaga, o setor de RH deve se reunir com os líderes do departamento para alinhar as expectativas quanto ao perfil, comportamento e conhecimentos que o novo membro da equipe precisa ter. Isso facilita o processo de recrutamento, já que o encarregado saberá reconhecer quem está mais apto para o cargo.

Assim, o tempo dedicado a essa seleção é melhor aproveitado e o desalinhamento entre o perfil do profissional e as exigências do posto pode ser evitado. Afinal, um erro muito comum é a vaga oferecida ser baseada no desempenho de algum membro que já está na empresa.

Mas, se ele não exerce o seu papel adequadamente, o mesmo poderá ocorrer com o novo funcionário que não terá o empenho e dedicação necessários para o trabalho.

Divulgue nos principais canais

Uma vez que o perfil da vaga é definido, o próximo passo é selecionar os canais de comunicação onde ela será divulgada, pois, para atrair o candidato certo é necessário que os anúncios sejam feitos nos canais onde ele está presente.

Por exemplo: se uma empresa busca um gerente de alto nível, não convém investir em anúncios no jornal ou sites de emprego, mas sim recrutar uma empresa especializada que faça uma busca mais profunda de mercado a fim de encontrar aqueles que se encaixam no perfil e, assim, dar início ao processo seletivo.

Escolha sites e aplicativos parceiros

Outra forma de reduzir os custos é contar com sites ou aplicativos de recrutamento parceiros. Eles são facilitadores do processo de escolha do novo candidato, pois, além de reduzir o tempo de busca, são canais muito assertivos por cruzarem os dados do perfil com as características da vaga.

Invista em treinamento de equipes

Embora este artigo seja sobre como reduzir custos na hora do recrutamento, fazer um investimento em treinamento pode beneficiar o lado financeiro da empresa a médio e longo prazo.

Treinar os novos funcionários consiste não apenas em ensinar como as tarefas deverão ser feitas, mas também motivá-los a realizar esse trabalho com dedicação. Isso faz com que eles fiquem mais tempo na empresa, aumentando a produtividade e evitando a necessidade de novos recrutamentos.

Portanto, o investimento em treinamento de equipes capacita e motiva os funcionários, retém os talentos na empresa e compensa os gastos de demissões e novos recrutamentos.

Seguindo essas dicas, sua empresa reduzirá custos nos processos de recrutamento. Se você gostou do artigo, deixe um comentário!

 
Cadastre suas Vagas

 

Sobre o autor

Marcelo Braga

Marcelo Braga

Fundador e Diretor Executivo da REACHR. Headhunter desde 2000 (Sócio Fundador da SEARCH, Ex-Sócio Sênior da FESA e Ex-Consultor Michael Page). Anteriormente na indústria automotiva (General Motors e Plascar). Engenheiro Químico – Unicamp e Pós-graduado em Administração de Empresa pela FGV.

Deixar comentário.

Navegação